terça-feira, 8 de março de 2011

Shame on you,kids!

Estava eu a deambular no meu há muito abandonado hi5 quando me deparei com isto:
E dei por mim a perguntar:
É esta a juventude de agora?
Esta calamidade?
"Ah e tal não faço os trabalhos de casa porque não me apetece,sou burra e gosto"...
Mas o que é isto?
Eu também não gostava de os fazer e muitas vezes acabava mesmo por os fazer à última da hora (ou até por não os fazer de todo),mas caramba,eu estudava!
E tirava boas notas!
Porque se não tivesse aproveitamento escolar podem ter a certeza que me transformava numa daquelas pessoas que só vêm livros à frente e decorava tudo até me matar!
Que futuro é que este tipo de gente terá?
Será que não têm a noção que só se estão a prejudicar a elas próprias?
Ou se calhar até não...aderem à letargia e indolência das Novas Oportunidades e chegam à faculdade num instante...
É por estas e outras que eu nunca poderia ser professora...se me aparecesse uma marmanjona destas eu corria-a da sala à chapada e era despedida na hora...

14 comentários:

Tita disse...

Infelizmente cada vez há mais jovens a pensarem dessa maneira. Já para não falar na quantidade de erros que se encontram por essa net fora.
Já vi coisas como "enstante" em vez de "instante" e muitos mais que agora não me lembro.
Tudo isto me deixa triste pois não vejo um grande futuro =(

Mami ( Sónia ) disse...

WTF???? Estou parva! Mas que raio de jovens são estes? é neles que vamos confiar o futuro do nosso pais????
Estamos entregues aos bichos!

Me,myself & I! disse...

Sim...já para nem falar dos erros ortográficos...

Observador disse...

Aos pais/encarregados de educação destes jovens se deve este estado de coisas.

Convém não esquecer que a escola é um complemento educacional.
Um complemento, apenas isso.

Euphoria* disse...

É verdade! Estes muidos são mesmo da geração "não quero saber".
Têm tudo facilitado. Sabem que não precisam de estudar, porque passam na mesma! Chegam ás faculades, já nem estão preocupados se os cursos lhe vão garantir um futuro ou não!
se não trabalharem também não faz mal, que podem ficar sempre com os papás.
Faltam-lhes objectivos!
E conseguem ser tão estupidos!
Mas em parte a culpa também é nossa...foi a educação que lhes deram e as facilidades que lhes foram criadas..enfim!
bjs

mfc disse...

É triste... muito triste!

Salsa disse...

Os exemplos que vem de cima são aqueles que a maioria das pessoas seguem. Esses exemplos nem sempre são os melhores. Depois temos uma classe política composta por corruptos e aldraboes que porporcionam o CNO para que todos possam chegar a universidade e obter um curso fazendo Exames por fax e por email.
Mas uma coisa que fiquei sensibilizado foi por a cachopinha gostar da Salsa.

Me,myself & I! disse...

Ah,ah!

cristina claro disse...

É a lei do "tou-me a lixar para esforçar a mona"...Olha, eu estudei 19 anos e p quê? Tive o início de 1 esgotamento, fui trabalhar 1 ano depois, e ano e meio depois de ter estado a bulir, tive 1 depressão profunda e catapléxia e desde então q tou parada (cheguei a estar tão dopada c os medicamentos q dormia até perto de 19h por dia, isto durante 6 meses, engordei 20 kg, cheguei aos 96!!!!! 6 anos de medicamentos fortes...É DOSEEEE)...

Recomecei o trem trem de procurar trabalho de há 5 meses p cá, e nada de nada...Quem tem mais de 35 anos (eu faço 37 em Setembro) já é velho, ora m**da p a história!!!!!

L.H. disse...

Se o problema fosse só o não fazer o TPC... O grande problema é a falta de educação, a que se alia o facilitismo! Os putos de agora têm tudo de mão beijada... E nem imaginas a linguagem utilizada por alguns nos corredores quando nós, professores, passamos! Quando eu era aluna, nem me atrevia a dizer "porra" ao lado de um professor. Agora, pode-se tudo. Felizmente, no meio da desgraça, há sempre quem escape, quem tenha regras, quem tenha valores... E é isso que me dá alento.

Close up! disse...

Bando de burros, é o que são!
Fossem meus filhos e levavam uma coça das antigas...

Quadrada disse...

A minha alma está parva...!

TheWriter disse...

Bem, eu passei por este blog, e por este post, e sou seguidora oficial!

Sobre isto: Tenho 17 anos. Desde do 1º ano que sempre tive, digamos, "uma inteligência ligeiramente acima da média". Não é que seja muito inteligente, mas safava-me sempre com facilidade e bons resultados. (tenho muitos amigos mais velhos que não dão metade do que eu dou)
Quando me vi no 9º e com uma perspectiva de futuro à frente, em que tinha de escolher o que iria fazer de mim vi-me aflita.
Decidi inscrever-me num Curso Profissional de Gestão, não foi por ser burra, porque muitos pensam que é fácil, mas dá imenso trabalho. E eu tive algumas dificuldades. Disciplinas técnicas como: contabilidade, Cálculo, Direito, etc são mais complicadas do que em comparação com Biologia, História, Geografia... Não que sejam fáceis, mas porque todos têm uma ideia do que se trata, apesar de precisar de muito estudo.
Escolhi o Curso por ser maioritariamente grátis e não ter muitas despesas. Além disso é uma área que tem muita saída, apesar do mercado estar a ficar lotado.
Bem, devo confessar que também detestava os TPC, acho que é uma sobrecarga principalmente com os horários de hoje em dia (eu tinha horários das 8:25 às 18h), mas à última da hora lá os fazia. Gostava de estudar, mas não era marrar durante 3 dias, até porque não precisava pois apanhava tudo nas aulas.
E sim, fiz cábulas. Só usei 2 vezes.
Aliás, um dia que tenha filhos obrigo-os a fazer cábulas, é uma óptima maneira de estudar, desde que não as usemos.
Em relação ao que essas crianças pensam, por vezes gostava de dar uma palestra aos meninos do 9º e dar-lhes um enxuvalho porque me mete impressão mentes assim, atrasadas, digamos.

E penso muitas mais coisas, mas se digo sou presa...

Gostei :)

Me,myself & I! disse...

E eu gostei do teu testemunho,the writer!
Bastante,até!
São pessoas assim que me fazem ter esperança na humanidade...